sábado, novembro 11, 2006

Viva o verão de S. Martinho


Hoje é dia de S. Martinho, um santo muito festejado pelo povo. Um santo que, segundo os escritos que se conhecem, nasceu possívelmente no ano de 317 da nossa era em solo do então império romano. Consta que era filho de um soldado do exército romano, estudou em Pavia e foi cavaleiro da guarda imperial. Diz-se que por volta do ano 338 um acontecimento mudou a sua vida. Numa noite fria e chuvosa, Martinho viu um mendigo com ar miserável e quase nu, teve pena dele e cortou metade da sua capa de cavaleiro, tendo entregue ao indigente. O seu gesto de solidariedade para com o infeliz serviu de riso aos seus companheiros de armas, dado ele ter ficado apenas com meia capa. Mas segundo a lenda, de imediato a chuva parou e surgiram uns raios de sol entre as núvens. Seria um sinal do céu. Ainda de acordo com os escritos, Martinho teve no dia seguinte uma visão, ouvindo uma voz que lhe disse "cada vez que fizeres o bem ao mais pequeno dos teus irmãos é a mim que fazes". Após este encontro com o pobre (que seria o próprio Jesus) , Martinho pede o baptismo, muda o seu comportamento - deixando de perseguir os cristãos - e exilou-se em França. Aí fundou o mosteiro de Ligugé e depois outros. A vida de virtude que encetou, levou muita gente a seguir a via monástica. As suas pregações, despojamento e simplicidade servem como exemplo e é considerado santo.
S. Martinho dedicou a sua vida à pregação, foi Bispo de Tours e gerou grande controvérsia devido à sua actuação. Mandou destruir templos pagãos, introduziu festas religiosas e defendeu sempre a independência da Igreja face ao poder político. Martinho morreu em Candes no mês de Novembro do ano de 397, tendo o seu féretro chegado a Tours em 11 de Novembro desse ano. O culto a este santo começou logo após a sua morte. A fama da sua santidade espalhou-se rápidamente pelo mundo. Em Tours foi edificada uma basílica que serviu de peregrinação durante séculos. O povo ligou o culto de S. Martinho à terra e aos seus produtos, especialmente o vinho. São conhecidos muitos provérbios relacionados com este dia. Cito apenas três para finalizar:
Este é um dia especial, vamos aproveitá-lo o melhor possível, umas castanhas assadas e um copo de vinho, vinham mesmo a calhar....
Bom fim de semana para todos.

12 comentários:

Nylda disse...

Olá amigo...
Uma palavra!!
Essa tal palavra que tanto significa,
palavra pequena de grande impacto
Descreve-la, quase impossível.
Será que eu, uma simples pessoa conseguiria?
Posso tentar, do que preciso?
De uma pessoa que seja sincera!!
Aonde eu acho? Esta aqui! Aonde? Lendo isto!
Não entendes-te?!
Pois...essa pessoa, és tu.
Tu és a pessoa que jamais teria medo ou vergonha
de dizer que amo...
tu és aquele/a que sei que posso chamar de amigo/a
Amigo/a é aquele que sem medo de ser mal interpretado
diz que ama e é sempre amado/a.
Bom fim de semana para ti.
Beijos e um sorriso.

nancy moises disse...

Eiii meu mais novo amigo, vc não sabe a felicidade que me causou com sua visita em meu blog. Mostrei pra todo mundo suas palavras lindas, me achei
""A POETA"" pode?
Claro que ficarei honrada se vc me linkar em seu blog, eu posso linkar vc tbem?
um gde abraço e vou dar uma espiadinha em tudo por aqui.
Uma otima semana.

Lúcia disse...

Lindo texto! Mais uma história de um santo milagroso que eu não conhecia. Adorei suas palavras em meu cantinho e pode ter a certeza que te linkarei. Um abraço sincero!

Pdivulg disse...

Curioso, passou o "verão de S. MArtinho" e o tempo virou logo para o inverno ...

Mily disse...

Desculpe a demora em vir visitar-te, amigo, mas nos últimos tempos não pude me dar esse prazer de passear pelos espaços que tanto gosto.

Atualizei a leitura e apreciei muito a sua postagem sobre a pobreza crescente em Portugal. Infelizmente isso está acontecendo em todo o mundo. Cada vez mais ficam acentuados os desníveis sociais. Excelente a sua reflexão sobre o assunto.

Gostei muito de conhecer a história de São Martinho.

Obrigada, amigo, pelo carinho que deixas sempre em cada visita que me fazes.

Acredito em Deus, sim! É a Ele que peço agora que te cubra de bênçãos especiais, e que continue a iluminar os teus caminhos.

Ficam sorrisos e flores, no teu coração!

maria disse...

castanhas....hummm eu estou a recuperar de uma cirurgia ao estomago e como tal nao posso comer castanhas... mas só a imagem me faz deliciar.
quanto ao texto...bem, sempre ouvi dizer que quem faz o bem e nao sabe a quem, so podera esperar o bem.
Lamento que hoje em dia nao haja quem divida as suas capas com quem necessita, se o fizessem o mundo seria bem melhor um jinhoooooo
andei a procurar e nao vi o teu selinho para levar para o meu cantinho , nao tens?

jinho maria

Eduardo Santos disse...

Olá Maria, obrigado pela visita, pois sinto sempre enorme prazer em receber os amigos. Quanto ao selo, de facto ainda não tenho, nunca considerei importante mas, como já outros amigos me falaram nele, vou preparar um e terei todo o gosto em afixar para aqueles que optarem por isso. Bjs.

Eduardo Santos disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Mirian disse...

Olá amigo, desculpa a minha ausência mas tive de me ausentar do país por uns tempos em trabalho,
mas agora penso que terei tempo para visitar e estar com todos os amigos/as.

Bom domingo para ti.
Beijinhos

Coisas de Mulher disse...

Agora fiquei com água na boca...!
Beijinho

Babisoca disse...

Obrigada pela tua visita ao meu blog e pelo teu comentário. Parece-me que tens umas boas asas! Gostei mt deste teu cantinho! Parabéns!

Isabel disse...

Olá Amigo,

Agradeço tua visita.
Estive, sim, na Argentina, Chile, Bolívia e Peru. Uma viagem que era um sonho e pretendo, aos poucos, colocar tudo no blog.
Teu site é um tipo de coisa que eu não sei fazer.
Tem pragmatismo.
Tem romantismo.
Tem surrealismo.
Eu me perco em um mundo de sonhos. Sem muita prática. Só sonho.
Mas... assim sou e assim aprendi a me gostar.
Beijo.
Isabel